F

25 agosto 2017

Resenha | O sorriso da hiena

Título: O sorriso da Hiena
Autor: Gustavo Ávila
Editora: Verus
Gênero: Romance policial
Páginas: 266
Ano: 2017
Skoob

(Cortesia da editora)

Sinopse: É possível justificar o mal quando há a intenção de fazer o bem? Atormentado por achar que não faz o suficiente para tornar o mundo um lugar melhor, William, um respeitado psicólogo infantil, tem a chance de realizar um estudo que pode ajudar a entender o desenvolvimento da maldade humana. Porém a proposta, feita pelo misterioso David, coloca o psicólogo diante de um complexo dilema moral. Para saber se é um homem cruel por ter testemunhado o brutal assassinato de seus pais quando tinha apenas oito anos, David planeja repetir com outras famílias o mesmo que aconteceu com a sua, dando a William a chance de acompanhar o crescimento das crianças órfãs e descobrir a influência desse trauma no crescimento delas. Mas até onde William será capaz de ir para atingir seus objetivos? Em O sorriso da hiena, Gustavo Ávila cria uma trama complexa de suspense e jogos psicológicos, em uma história que vai manter o leitor fisgado até a última página enquanto acompanha o detetive Artur Veiga nas investigações para desvendar essa série de crimes que está aterrorizando a cidade.

Devo começar essa resenha já adiantando que esse livro é incrível! O sorriso da hiena é um romance policial publicado pela Verus Editora e escrito por Gustavo Ávila. Depois de ver a chuva de elogios sobre a obra, finalmente entendi porque ela é tão boa. O autor nacional ganhou uma nova fã. Agora estou ansiosa para assistir a adaptação, cujo direito foi comprado pela Rede Globo.

A história gira em torno de três personagens principais: William, um psicólogo infantil respeitado, que almeja mudar o destino de muitas pessoas com o seu trabalho, mas sempre desejou ardentemente conseguir estudar a fundo como a maldade humana se desenvolve em uma criança até sua fase adulta; David, um homem que aos oito anos presenciou a morte brutal de seus pais, e hoje busca respostas sobre ser esse o motivo que o tornou um assassino; e Artur, o detetive que tentará desvendar os assassinatos. David planeja repetir com outras famílias exatamente o que aconteceu com ele, dando a chance ao psicólogo de acompanhar a vida das crianças sobreviventes, e lhe entregar um estudo sobre o desenvolvimento do caráter das mesmas. O fato é que os planos de David colocam William em um enorme dilema: vale a pena justificar o mal com a intenção de fazer o bem? 


O autor já me ganhou logo de cara com uma narrativa envolvente e instigante. Com uma narrativa em terceira pessoa acompanhamos desde o início os passos do assassino, a vida de William e o rumo das investigações. O diferencial aqui é que sabemos quem é o assassino quase desde o princípio, então o suspense fica por conta de saber qual os próximos passos dos protagonistas. O leitor fica angustiado em saber qual será a decisão de William, as pistas que Artur terá que juntar e como funciona a mente doentia de David. 

O mais incrível no livro é como os personagens foram desenvolvidos. Para começar Artur é um detetive que foge um pouco do padrão, pois possui Síndrome de Asperger, que o impossibilita de reconhecer as emoções não verbais das pessoas, além de possuir outras peculiaridades. David, um assassino doentio é o personagem mais fácil de ser odiado. Porém, conforme as páginas avançam levantamos certa reflexão sobre o seu passado doloroso, que o teria transformado em um assassino. O autor não tenta justificar o que ele faz, claro, mas você já parou para pensar que é muito difícil compreendermos que uma infância extremamente traumática pode moldar o caráter de um homem? E temos finalmente William, que está longe de ser o mocinho da história. Gente, esse personagem me chocou! Você se pergunta algumas vezes quem realmente é a vítima de toda essa história. E eu tive a resposta: somente as crianças. 

"Em um mundo onde o mal nasce com a gente, todos fariam qualquer coisa, sem apego à moralidade, para não sucumbir." (p. 204)

" - É sempre o mesmo discurso. O mundo sempre vira desculpa pra quem acha que pode fazer o que quiser como compensação." (p. 254)

Não quero me estender, pois diante do tanto que gostei desse livro posso me empolgar. Acredito que o principal já foi dito. O sorriso da hiena possui uma narrativa totalmente envolvente e viciante, uma trama instigante e que não te deixa sossegada enquanto não vira a última página, e principalmente, possui personagens extremamente reais. Aqui não tem inocentes, nem mocinhos indefesos. Ávila mostra nessa obra o pior do ser humano, além de uma realidade cruel com o desfecho. Se você é fã da literatura policial, recomendo esse nacional de olhos fechados. Favoritado!

Compre: Saraiva  |  Compare: Buscapé 








Gostou do livro? Comprando o livro através dos links dessa postagem você contribui com o Livros, vamos devorá-los

21 comentários:

  1. Quero muito ler esse livro, tenho visto boas críticas a respeito dele e o fato de ser autor nacional me conquista completamente! Sua resenha foi só mais um ponto que me convenceu de que preciso sim ler!
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Adoro romance policial!! Tenho muita vontade de ler esse livro, parece ser bem intrigante, além de ser nacional, claro!

    ResponderExcluir
  3. Hello!
    I really liked the post hehe, thanks for sharing it. I followed your blog, could you follow me back?
    A hug!.

    ResponderExcluir
  4. Oiii!

    Se eu não me engano, eu já li umas duas resenhas super positivas para essa obra e por isso fico curiosa para ler.
    Gostei de saber que gostou muito e quero conhecer qual essa é visão que o autor traz.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Oi Leticia, fiquei bastante interessada em ler esse livro menina, ainda mais que é um autor nacional e traz um romance policial, um dos gêneros que mais aprecio e tenho na estante, dica anotada e preciso mesmo ler, essa capa está demais.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. oie, nossa, adorei ver tantos elogios para essa obra e é impossível não ficar tentada a lê-lo. Gostei de saber que todos tem um lado que vemos como mal ou bom, e essa história de os abusos da infância refletirem em uma pessoa no futuro. Espero ler e gostar.

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem?
    Já tinha visto a capa desse livro mas nunca parado para ler sobre ele, terminei a leitura da sua resenha com um único pensamento: Preciso desse livro agora hahaha me parece ser um livro bem emocionante.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oiee Leticia ^^
    Confesso que não sou muito fã de romances policiais, mas esse é um que eu sou mega doida para ler, pois sempre vejo resenhas positivas. E essa capa é simplesmente incrível! Ver que você gostou tanto a ponto de tentar esconder sua empolgação me deixou ainda mais animada.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  9. Já vi varias resenhas deste livro, a principio não queria ler pelo cara querer matar os pais das crianças, mas a cada resenha sindo mais curiosidade. Agora quero entender este detetive com síndrome de asperger, que interessante.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Fico bem curiosa para ler essa obra, pois todas as críticas que li foram positivas. E nem é um gênero que me atrai...
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  11. Nossa estou louca para ler esse livro, fiquei de receber o exemplar e estou muito ansiosa kkkk, tomara que não demore a chegar.

    Amei o post.

    Um beijo

    http://sussurrandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Letícia.

    Pela sua resenha a história contém uma trama bem instigante e pela empolgação também é envolvente e viciante. Já entrou na lista de desejados, pois estou bem curiosa pela leitura. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderExcluir
  13. Adorei a resenha! Eu já estava pensando em colocar o livro na interminável listinha, principalmente que a galera durante a Bienal só falava desse livro!

    ~ Blog Compulsivamente Literária

    ResponderExcluir
  14. Oi, Tudo bom?
    Já tinha ouvido falar nesse livro, e confesso que estou louca para ler. Além disso, acho a capa simplesmente linda, bem convidativa.
    Beijos, Joyce de Freitas.

    ResponderExcluir
  15. Adquiri esse livro e estou mega empolgada em ler.
    Sua resenha me deixou ainda mais animada em iniciar a leitura!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  16. Adorei a resenha, a cada vez que vejo algo sobre esse livro fico mais curiosa! E agora fiquei muito interessada em saber mais sobre o Artur rsrsrsrs

    A resenha ficou ótima, obrigada pela dica, já anotei na minha listinha ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Olá! Só leio resenhas positivas dessa obra! Quero muito lê-la, pois amo investigação policial. Estou organizando uma maratona particular de livros nacionais e esse com certeza estará na lista!
    Abs e parabéns pela resenha ^^

    ResponderExcluir
  18. Oi Letícia,
    Achei o enredo bem ousado. Não acredito que uma pessoa compactuaria com um assassino para obter resultados em um estudo. Ele não pode nem cogitar em aceitar, se o fizer mesmo que por um segundo, isso o torna até pior do que o assassino. Não conhecia esse livro ainda, mas depois de você elogiar e dizer que todos estão elogiando também, vou anotar a dica. Parabéns pela resenha.
    bjs.
    Pri.
    http://nastuaspaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Le, sua linda, tudo bem?
    Chocante essa história! Nossa, esse cara é um monstro, se ele fizer isso vou ficar muito revoltada. Isso o tornará mais cruel e frio, esse tipo de pessoa me dá calafrios. Não vejo a hora de ler esse livro. Sua resenha ficou ótima!!!
    Beijinhos.
    Cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá,
    Confesso que a obra não é um dos gêneros que sou habituada a ler, mas desde que soube do lançamento essa capa maravilhosa e a sinopse intrigante me deixaram afoita para fazer a leitura (mas ainda não consegui).
    Adorei saber suas impressões e acho que, assim como você, o autor me ganharia logo nas primeiras páginas com a narrativa que parece ser incrível.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  21. Olá
    Quero muito ler esse livro. Tem um tempão que estou querendo pegar pra ler. Só vejo falar bem dele. Espero que do ano que vem não passe kkkkk.

    Não percam o TOP COMENTARISTA do mês, 1 ganhador e 2 livros.

    Revelando Sentimentos

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!