F

17 fevereiro 2016

Resenha - Objetos cortantes

Título: Objetos cortantes
Autora: Gillian Flynn
Editora: Intrínseca
Gênero: Thriller psicológico
Páginas: 254
Ano: 2015
Skoob

Sinopse: Uma narrativa tensa e cheia de reviravoltas. Um livro viciante, assombroso e inesquecível. Recém-saída de um hospital psiquiátrico, onde foi internada para tratar a tendência à automutilação que deixou seu corpo todo marcado, a repórter de um jornal sem prestígio em Chicago, Camille Preaker, tem um novo desafio pela frente. Frank Curry, o editor-chefe da publicação, pede que ela retorne à cidade onde nasceu para cobrir o caso de uma menina assassinada e outra misteriosamente desaparecida. Desde que deixou a pequena Wind Gap, no Missouri, oito anos antes, Camille quase não falou com a mãe neurótica, o padrasto e a meia-irmã, praticamente uma desconhecida. Mas, sem recursos para se hospedar na cidade, é obrigada a ficar na casa da família e lidar com todas as reminiscências de seu passado. Entrevistando velhos conhecidos e recém-chegados a fim de aprofundar as investigações e elaborar sua matéria, a jornalista relembra a infância e a adolescência conturbadas e aos poucos desvenda os segredos de sua família, quase tão macabros quanto as cicatrizes sob suas roupas. 


Apesar de ter me dedicado pouco ao gênero ultimamente, eu adoro um bom thriller psicológico. Diante então dos elogios dados à autora Gillian Flynn eu só poderia ficar curiosa para ler Objetos Cortantes. A descrição, por si só já chama atenção e a obra nos apresenta Camille Preaker, uma repórter que mora em Chicargo, mas têm que voltar para sua cidade natal, Wind Gap, a fim de noticiar todos os acontecimentos envolvendo uma criança desaparecida e outra que havia sido encontrada morta a quase um ano atrás. Frank Curry, seu editor, tem um carinho especial por ela e sabe que ela poderá enfrentar alguns "monstros do passado" voltando para o local, mas a cobertura desses dois casos, que podem estar ligados, renderá prestígio ao jornal. Não é a toa que Camille têm receio de voltar para a pequena cidade, afinal, seu relacionamento com a mãe na infância e adolescência nunca fora fácil. Mas o que ela não esperava, ou talvez sim, é que muitas coisas piores estavam por vir. Camille começa então a envolver-se na investigação, mesclando seus dramas do passado e conhecendo muito mais de sua família que jamais pôde imaginar.


Surpreendente seria a palavra para Objetos cortantes. O livro realmente é um tanto perturbador, do início ao fim. Primeiramente porque a pequena cidade de Wind Gap envolve muitos mistérios e moradores bizarros, cada um com sua peculiaridade. Flynn construiu personagens com tantos defeitos que, por ironia, fica até difícil imaginar que alguém é capaz de agir daquela forma. Mas eles passam exatamente a realidade das mais impensáveis atitudes que um ser humano pode ter. Em segundo lugar, os defeitos não são exclusividades dos possíveis vilões, mas também da mocinha da história. Camille é, sem dúvida, uma mulher que sofre com os dramas de seu passado familiar e isso reflete em suas atitudes e, literalmente na sua pele.  

Com uma trama que rouba nossa atenção, a escrita claro, tinha que ser positiva. A autora tem uma narrativa ágil e viciante. Notei que uma de suas características é o uso frequente de frases curtas, o que de alguma forma forneceu algum mistério ao enredo. Para nos sentirmos mais perto de nossa protagonista, o livro possui uma narrativa em primeira pessoa, onde Camille descreve seus maiores temores e suas desconfianças. Pela sua visão vamos conhecendo também aos poucos a mente de sua mãe, que achei perturbada desde o início. Conhecendo um pouco de sua personalidade fica um pouco fácil entender o porquê Camille se automutilava. Por sua vez, outra personagem que teve papel preponderante na história foi a sua meia-irmã, uma garota totalmente bizarra e que Camille tentava entender a todo custo. Tendo ela apenas treze anos, eu ficava chocada com o que essa garotinha fazia, mas sua irmã tentava entender o quanto o tratamento da mãe poderia tê-la afetado também.

Mas agora vamos ao motivo pelo qual dei quatro estrelas e não cinco, já que elogiei o livro. Sendo a estreia da autora e a primeira obra que leio dela, não posso compará-lo com outros livros, mas senti que em alguns trechos não tiveram tanta importância, e poderiam ter sido cortados. Resumindo, talvez um excesso de cenas que não eram importantes e que poderiam ter sido aproveitadas de outra maneira. Esse é um detalhe que poderia ter dado ao livro as cinco estrelinhas, mas não tirou seu valor.

Quanto à parte física não deixa a desejar. A fonte possui um tamanho ideal, as folhas são amareladas, o que facilita a leitura. A capa e título estão condizentes com o livro e a revisão sem nenhum erro aparente. 

"Após cinco minutos, ela continuava na mesmo posição, sorrindo e se remexendo. Eu precisava ir embora. Caminhei, primeiro lentamente, e depois corri até meu carro. Porta fechada, rádio no máximo, bourbon quente queimando minha garganta, dirigi para longe do fedor e do som. E daquela criança." (p. 105)

Em linhas gerais, Objetos Cortantes é um livro viciante e perturbador, cheio de personagens reais, com defeitos e traumas. A investigação não é o foco principal no início, mas vai tomando forma à medida que Camille começa a defrontar com seus traumas. Até é possível imaginar um final, mas sinceramente, ainda sim, eu fiquei chocada e surpresa. Um thriller psicológico muito bem escrito e que recomendo de olhos fechados!

Comprar: Saraiva | Americanas 



36 comentários:

  1. Estou curiosa para poder conhecer essa historia, depois que eu li Viva para Contar me viciei nesse gênero!! Esse livro ja esta no meus desejados desde o lançamento, me parece ser MUITO boa essa historia!

    ResponderExcluir
  2. Olá Letícia!
    Eu li esse livro e fiquei com muita dó da Camille, mas muita mesmo, com aquela sua mãe terrível e os males causados na sua vida. E mais dó ainda quando ela sente vergonha de mostrar suas pernas ou seus braços por causa dos cortes. Eu achei que foi um livro bem marcante, principalmente por ser o primeiro.
    Abs!

    Participe do nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  3. Nossa parece ser muito bom esse livro *--* Fiquei curiosa para ler ele parece ser cheio de emoçoes rsrs

    ResponderExcluir
  4. Meu livro favorito da autora! :)
    O final realmente me surpreendeu mais que os demais livros dela! Pra mim entrou na listinha de favoritos

    Ótima resenha! Beijos :)
    www.1livro1filme.com.br

    ResponderExcluir
  5. Amo livros de thriller que envolvem os personagens de uma maneira muito bem construída. Parece realmente mexer com o leitor, estou louco p/ ler, a premissa e a resenha me deixaram loucos por esse livro! Abraços ^^

    ResponderExcluir
  6. Olá lindoca,

    Esse livro é altamente tenso e me lembro que quando eu li fiquei chocada com o final. Não esperava aquilo e nunca entendi porque a Camille justificava as loucuras de sua irmã...era evidente que a guria tinha problemas.

    Beijos!
    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/resenha-o-enigma-das-estrelas.html

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda não li nada da Gillian e nenhum thriller psicológico. Vi outro dia tb uma resenha e fiquei curiosa, vou ter que colocar na minha meta para este ano.
    É muito bom quando a leitura é ágil e viciante que te prender pra descobrir as coisas, num thriller então, é fundamental né, pois instiga o leitor a desvendar os mistérios.
    Parabéns pela resenha.
    Bj
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  8. Oii, tudo bem?
    A Gillian é realmente destruidora! Todas as resenhas que vejo dos livros dela são incríveis, e os leitores sempre ficam surpresos com o final da historia. Eu ainda não tive a oportunidade de ler algo dela, mas já vi o filme Garota Exemplar e devo dizer que fiquei chocada com a historia.

    ResponderExcluir
  9. Eu li esse livro muito rápido, de tão viciante que ele é. Sentia pena da Camille, e a mãe e irmã dela eram muito perturbadoras, não imaginava o final do livro, fiquei bem impressionada. Esse não foi o único livro da autora que eu li, e acho ela uma escritora excelente.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  10. Oie.
    Nunca li nada da autora, mas sou louca para ler.
    Esse livro realmente tem uma premissa muito curiosa, interessante, perturbadora e curiosa.
    Fiquei querendo saber mais detalhes sobre essas pessoas com defeitos inimagináveis, acho que vou gostar do livro sim, e irá ser meu primeiro Triller heheehehe
    Chato o livro ter cenas desnecessárias :(
    Amei a resenha, muito bem escrita

    http://colecoes-literarias.blogspot.com.br/2016/02/parceria-galera-record.html

    ResponderExcluir
  11. Eu sou louca para ler esse livro, apesar de não ser um gênero que eu goste essa história me despertou um imenso interesse. Não sei se eu teria coragem de ler, não sei bem o que esperar e com você dizendo que é perturbador eu fico receosa, mas todo esse mistério me envolve e me chamada para ler o livro. Também não gosto quando tem excesso de cenas mas quando a história é boa, acaba que não atrapalha tanto.

    ResponderExcluir
  12. Eu comecei a ler uma vez "Garota Exemplar", mas eu estava lendo em inglês e fiquei confusa com a trama e acabei achando chato, depois que vi o filme percebi que decididamente eu não tinha entendido nada. Porque o filme pode ser muitas coisas, mas entediante ele não é. Esse "Objetos Cortantes" já me chamou atenção pela capa nas livrarias, mas ainda não tinha dado uma olhada nele. Agora com a sua resenha entendi o que se passa no livro e realmente aguçou minha curiosidade. A escritora parece mesmo ser fabulosa.

    Beijos,
    Mariana Baptista
    https://umavidaporlivro.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Ontem assisti o Filme Garota exemplar que é baseado num livro do mesmo autor... O filme me deixou muito P* da cara no final... rsrs
    Pela sua resenha, esse livro parece ser tenso da mesma forma.. Acho que vou ler..


    Beijo
    http://conchegodasletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    A autora sempre surpreende nos livros com seus suspenses sensacionais! Apesar de não ser meu tipo de leitura favorito, li Garota Exemplar e adorei! O filme é bem fiel ao livro, mas deixa passar alguns detalhes se comparado ao livro.
    Objetos cortantes está na minha lista! Ao ler sua resenha e saber que você gostou, fiquei ainda mais animada!

    Abraço!
    Abraço!

    Karla Samira
    http://www.pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Bom, ainda não li nem um livro da autora Gillian Flynn, mas tenho alguns livros dela em minha lista de leituras, inclusive Objetos Cortantes, já li muitos comentários positivos referentes a história desse livro e isso só me deixa mais ansiosa para lê-lo.

    ResponderExcluir
  16. Adoro esse tipo de livro todo recheado de mistérios!
    Já li Garota exemplar da autora e recomendo!
    VOU procurar esse livro para ler, parece ser bom!
    bjus

    ResponderExcluir
  17. A autora é incrível. Ela tem um QUE para escrever livros assim, perturbadores. Eu quero muito ler objetos cortantes, já cheguei a colocá-lo no carrinho, mas depois tirei e não sei por que. Enfim,a escrita da autora é bem gostosa e as histórias normalmente fluem bem. Quero muuuuuuuito ler, ainda mais depois da sua opinião. :D

    ResponderExcluir
  18. Eu vi que este livro virou filme rápido e mesmo assim não teve a recepção de Garota Exemplar e ainda bem porque odiei Garota Exemplar, este acho que eu ia gostar mais e realmente a trama é muito mais forte, apesar de que garota exemplar a coisa era muito doida. Mas concordo com você sobre a questão de algumas partes poderem ser cortadas, acontece muitas vezes em livros, mas depende do momento da escrita a autora acha que pode ser essencial.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  19. Estou muito curiosa para ler este livro. Não li nada da autora porque eu não estava afim de encarar um grande sucesso e me frustrar, mas como este é um livro pouco falado, quero demais ler e o mais rápido possível. Sua resenha me deixou ainda mais empolgada e com a certeza que irei curtir bastante a leitura
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Esse livro me deixa perturbada até hoje. Lembro que chorei feito um bebê no final dele de não indignada pelo desfecho e mais ainda pela perfeição dele diante de toda a trama.
    Se Flynn me cativou em Garota Exemplar, em Objetos cortante ela ganhou meu total respeito. Engraçado é que esse é o primeiro livro dele e achei MIL vezes melhor que Garota.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  21. Olá! Eu conheci a escrita da Gillian em Garota Exemplar e fiquei fascinada pela pegada psicológica dos personagens. Esse livro, pelo que percebi, além da parte psicológica, dá uma sensação de suspense/terror. Esses mistérios que você falou dão um ar sombrio...Sei lá, foi a minha impressão rsrsrs Gostei bastante da premissa, beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
  22. Esse livro está na minha lista há algum tempo e espero ler logo. Amo thrillers psicológicos e sempre quando vejo esse livro me lembro de Caixa de Pássaros, que adorei. Já assisti o filme Garota Exemplar e gostei.

    ResponderExcluir
  23. Olá.
    Bom se a narrativa é ágil, viciante e fluída, com frases curtas e enredo envolvente, não vou me importar com os trechos menos importantes....já que é o primeiro livro da autora, levo isso em consideração. Mas acredito que um bom trabalho de revisão teria resolvido o problema.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  24. Olá!

    Adoro um bom livro de suspense e esse parece ter muito "pano pra manga" não é mesmo? Espero que todos os mistérios tenham sido resolvidos até o fim do livro. Achei bem triste a personagem principal ter problemas familiares e por causa disso ela se automutilar, já que isso não é uma coisa legal. Essas cenas desnecessárias tornam o livro cansativo? Pois muitas vezes detalhes como esse fazem com que os leitores desanimem de ler o livro. Adorei sua resenha, achei super completa.

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  25. Olá, Leticia.
    Eu só li Garota Exemplar da autora até agora e tenho aqui Lugares Escuros mas ainda não li. Eu gostei muito da escrita dela, mas não considerei favorito pelo tanto de elogios que vi da obra e acabou que me decepcionei um pouco. Mas ainda quero ler esse livro, que dizem ser o melhor dela.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  26. Olá Leticia,
    Acredita que ainda não li nada da autora. Objetos Cortantes está em minha estante há bastante tempo, mas não animo de pegar. Eu sei que é viciante e que vou devorar, mas falta uma coragem que não sei rs.
    Gostei de saber que você indica de olhos fechados. São poucos livros que me deixam assim.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Oi!
    Já ouvi falar muito sobre a escrita da Gillian Flynn, mas ainda não li nenhum livro dela e mesmo esse livro parecendo ser interessante e vi muitos comentários positivos não foi uma historia que me envolveu !!

    ResponderExcluir
  28. Oi eu amei a sinopse esse livro parece ser suspense puro com certeza vou ler bjs.

    ResponderExcluir
  29. Olá, tudo bom?

    Assim como você, apesar de ouvir diversos elogios sobre a autora, ainda não tive oportunidade de ler. Depois dessa ótima resenha, aliás, a minha curiosidade foi despertada e fiquei com uma vontade imensa de ler esse livro. Li poucos Thriller psicológicos e esse parece ser muito bom! É uma pena ter cenas desnecessárias :(

    Fiquei com medo da mãe e da meia-irmã...

    Obrigada por essa incrível dica!

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Li este livro ano passado para um desafio literário é até hoje não tenho uma opinião formada sobre ele , tenho certeza que o que a autora quis foi chocar o leitor com seus personagens controversos mostrando o quantos segredos uma cidade pequena podem esconder , não curti tanto o final achei meio previsível sabe.
    Gostei muito da sua resenha pelo que notei você apreciou a leitura mais do que eu.

    ResponderExcluir
  31. Olá!

    Já li dois livros da Gillian Flynn e posso afirmar que ela arrasa, apenas aplausos para esta autora!
    Objetos Cortantes foi o primeiro livro que li da autora e achei super interessante que a proposta do livro, eu gostei do início ao fim, Gillian conseguiu me prender com sua estória, e só consegui largar o livro quando acabei.

    Beijos,
    http://entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  32. Nossa, há quanto tempo não leio um bom thriller psicológico! Gosto muito do gênero, e esse livro tem uma premissa que me agrada bastante, pois parece apresentar uma certa complexidade que, geralmente, enriquece a leitura. Ainda não li nada da autora, mas acho que, pelo que li na sua resenha, gostaria muito de ler essa obra. Não sei se estou correta, mas percebi algo de inquietante nesse livro. Acho que terei que fazer essa leitura para confirmar. Dica anotada!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  33. Oi Leticia, eu nunca li nada da autora mas todos sempre me falam muito bem dela e inclusive sempre me recomendam já que eu sou fã de um bom thriller, e confesso que esse livro chama bastante minha atenção em especial, sua resenha me cativou bastante e com certeza eu daria uma chance a ele!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  34. Ao contrário de você, não gosto muito de thriller psicológico, dificilmente acho um que me chame a atenção, mas a Gillian Flynn é uma autora que me atrai bastante (literariamente falando kkk). Eu assisti o filme de Garota Exemplar e amei, desde então procuro um livro da autora para ler e ver se amarei igualmente, acho que Objetos Cortantes pode ser a melhor opção, né?
    Acho que vou dar uma chance à ele! Adorei a resenha! Beijos!

    ResponderExcluir
  35. Olá Leticia!
    Olha já acho esse livro perturbador desde a criação da capa kkkkk mas sabe, eu recebi comentários muito bons sobre a autora, ela parece mesmo viciar os leitores. Na verdade, o estilo thriller tem essa magia de te prender e fazer vc ler até acabar, até a ultima página. Esse livro é um dos que eu tenho muita vontade de ler, mas acredito que não terei tempo pra ele pq já monte minha meta e ela já passou de 100..
    mas quem sabe antes do natal, naquelas semanas de férias que eu estou precisando tanto... hahaha
    bjss
    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  36. Quero muito ler esse livro.
    Já li e ouvir maravilhas sobre esse livro.
    Amei sua resenha, espero em breve poder desfrutar dessa leitura.

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!