F

21 julho 2015

Resenha - O Tocaio

Título: O Tocaio
Autor: Edison Rodrigues Filho
Editora: Primavera Editorial
Páginas: 200
Ano: 2014

(parceria com a editora)

Sinopse: Flávio Moretto é o xará, o Tocaio, de Flávio Fontoura, o Biotônico. Um triângulo amoroso inicialmente entre Amanda, Tocaio e Biotônico desencadeará uma trama cheia de mistério, permeada por política e história. Depois da suposta morte de Biotônico, é a vez do triângulo amoroso entre Tocaio, Amanda e uma garota parecida com Juliana, a lha de Biotônico e Amanda. Uma dúvida paira se a garota é mesmo Juliana ou alguma moça parecida com ela. Tocaio ca confuso entre o amor por Amanda e a paixão pela garota. Será que este e outros mistérios se desfazem ao nal da trama? Toda essa história é permeada por acontecimentos políticos, como quando estudantes foram às ruas fazer a campanha Fora Collor, que culminou no impeachment do então presidente da República.

O Tocaio é uma obra nacional, publicada pela Primavera Editorial. A primeira vez que ouvi falar nesse livro foi no blog Desbrava (dores) de livros, cuja resenha me conquistou. Quando vi que teria a oportunidade de ler, não pensei duas vezes, e quis matar minha curiosidade. Minhas expectativas nem eram tão altas assim, por especificar na sinopse que teríamos um triângulo amoroso, mas acabei me surpreendendo com o enredo.

Os dois Flávios, o Morreto e o Fontoura, amigos inseparáveis, que desejaram em sua juventude a mesma mulher. Flávio Morreto, o Tocaio, era mais calado, enquanto seu amigo era mais determinado e, entre outros motivos, acabou conquistando a garota. Os anos passaram, Flávio Fontoura, o então marido de Amanda morre de repente, deixando livre um sonho romântico para Tocaio. Mas ao morar com Amanda, ele se encontra em um dilema, entre a paixão pela mulher que sempre amou, e uma atração por uma garota idêntica a Juliana, a filha de Amanda e Fontoura. E nessa mescla de acontecimentos, mistérios surgem, enquanto Tocaio reflete.




"Impossível ir contra hormônios, ilusão, fantasia, e toda esta tal matéria do subjetivo que se materializa numa vida cheia de alegria, amor e contentamento como mencionado há pouco." (p. 27)

Gostei da diagramação simples, mesmo com folhas brancas, a leitura fluiu. A arte da capa está perfeita e me agradou bastante. A revisão também está ótima.

A história é narrada em terceira pessoa, e Edison tem uma forma singular de escrever. Nas primeiras páginas, demorou a engrenar, porém, conforme eu me envolvia com a história, me rendi a uma escrita rica e, de certa forma poética que o autor têm. A biografia do autor exibe outras obras que com certeza vou querer ler.

"- Pra ficar louco, basta ser são. Na vida, em dado momento ou circunstância, quem pode garantir total sanidade?" (p. 44)

O que mais me conquistou, sem dúvidas, foi a construção dos personagens. Apesar de ter criado suposições quanto ao triângulo amoroso, O Tocaio está longe de ser mais um romance clichê. Pelo contrário, Edison criou personagens enigmáticos, reais e cheios de defeitos. Acompanhar as reflexões de Tocaio, seus desejos íntimos, suas culpas, me envolveu completamente na história. Amanda, Fontoura e Juliana, também merecem ser citados em suas imperfeições.

Além de tudo, a história se passa em momentos históricos da política no Brasil, o que não torna a obra cansativa. A leitura é muito rápida, e os personagens tão envolventes, que o leitor não verá o tempo passar. As páginas finais chocam e aliviam, nem sei direito o que senti, para o que realmente torci, tamanha a confusão de sensações.

Gosta de um livro com personagens marcantes, reais, em que possa conhecer a fundo suas personalidades? Leia O Tocaio. Recomendo de olhos fechados!

Comprar: Saraiva | AmericanasSubmarino

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O autor

Edson Rodrigues Filho nasceu em 1960, em Porto Alegre, e formou-se em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica/RS em 1985. Depois de três anos em São Paulo, em 1990, pós graduou-se em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing. A partir de 1995 passou a trabalhar como escritor e roteirista, tendo participado de cursos e wokshops com renomados roteiristas como Syd Field, Richard Walter, Fernanda Pompeu, Tata Amaral, Cristina Fonseca e Chico de Assis. Em 1996, foi o vencedor do VII Prêmio Jorge Andrade de contos, da Academia Barretense de Cultura. É autor dos livros juvenis O Segredo da Chave (2002), O Segredo da Invisibilidade (2004), O Segredo da Longevidade (2005), Jardim do Céu (2010) e Meio Circulante (2012). Também é autor do romance adulto O Tocaio.


Siga o blog nas redes sociais:
 Facebook  |  Skoob  |  Twitter  | Youtube | Instagram

55 comentários:

  1. Oi, Leticia!
    Nossa, não conhecia esse livro, mas a qualidade da história parece ser ótima, principalmente pelo cenário usado, com um acontecimento político da nossa história. Gostei muito também pelos triângulos amorosos, já que gosto de histórias com esse elemento. ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Andreza...Os momentos históricos no livro só aumentaram sua qualidade.
      Espero que possa ler!

      Excluir
  2. Olá.
    Gosto de livros que nos dão essa mistura de sentimentos no fim.. me interessei pelo livro.
    Ainda não o conhecia, nem o autor, mas lendo sua resenha fiquei muito interessada.. acho que nunca li nenhum livro que tenha um triângulo amoroso, pelo menos não que eu lembre...agora imagina o cara se ver atraído pela filha da mulher amada? Gente do céu...rs

    Amei a resenha e a dica!!

    Beijos, Bá.
    http://cafecomlivrosblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara..
      Pois é, o negócio é tenso, Só lendo para entender. Esses acontecimentos que me fizeram se gostar tanto.

      Excluir
  3. O livro parece ser bem diferente, confesso que não gosto muito de triângulos amorosos, mas me arriscaria a ler.

    É muito legal quando encontramos personagens com tantos defeitos quanto a gente, pois assim conseguimos aproximar a realidade da ficção.

    Beijos, ótima resenha.
    http://maisumepilogo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, como citei na resenha, o triangulo amoroso fugiu totalmente do clichê, pelo menos pra mim. Recomendo, você vai gostar.

      Excluir
  4. Amiga quanta coisa acontece em um só livro em?
    Nossa fiquei praticamente aqui de boca aberta (risos)
    Espero poder ter a oportunidade de fazer a leitura, porque me parece ser muito bom.
    Eu ainda não conhecia esse autor, mas pelo que você falou do livro achei bastante interessante e tu sabe
    que adoro uma história clichê, mas pelo visto não é assim né? Mas mesmo assim despertou-me a curiosidade.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/resenha-princesinha.html

    ResponderExcluir
  5. Muito boa a história! O livro é fininho, você termina em um dia! Recomendo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leticia vou procurar esse livro pra ler sério.
      Assim que puder pode ter certeza que já vou sentar a bunda pra ler, porque eu estou precisando de uns livros assim pequenos mesmo. Para poder descansar também.

      http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/reflexaocontos-22.html

      Excluir
  6. a me impressionei a capa não me chamou muito atenção, mais parece ser ótima história.
    Particularmente gosto de livros em 1ªpessoa, mais estou lendo um livro em questão que esta mudando minha forma de pensar.
    parabéns adorei seu comentário.

    http://spoilermania.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal que se interessou, o livro é muito bom!

      Excluir
  7. Eu vou te confessar que não fiquei muita atraída pela narrativa. Claro que os conflitos de Tocaio parecem ser interessante, pela questão de ele achar que gostava de uma mulher a vida todas e depois passa a sentir atração por outra, mas essa outra é parecida com a enteada. Como não sabemos quantos anos a filha da Amanada tem, não tem como dizermos que há uma questão de incesto aí. Se há uma transferência de sentimentos.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nilda...
      A filha dela tem 15 anps, claro o dobro da idade que ele teria.
      Espero que possa se interessar ainda pelo livro.

      Excluir
  8. Gostei de sua resenha, Leticia. Não conhecia o livro e me surpreendi bastante com a história. São poucos os livros que tem um triângulo amoroso mas a história não é clichê. Já quero ler o livro, dica anota.
    Beijo,
    http://pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já é um ponto bem positivo para quem está cansado de ler clichês. Recomendo!

      Excluir
  9. Oi, não conhecia o livro e até que achei a premissa do livro bem interessante e me pareceu ter muitos sentimentos em conflito, a única coisa que me deixou com um pé atrás foi o cara estar dividido entre o amor antigo pela mãe e uma paixão pela filha.É isso mesmo, ou entendi errado?

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo Simeia. Esse é um ponto forte do livro, esses personagens tao reais e cheios de imperfeições. Afinal é assim né!?

      Excluir
  10. Olá, Leticia.
    Fiquei mais do que feliz ao ver que você gostou tanto de uma resenha minha que resolveu ler o livro. Sensação de dever alcançado, sem dúvidas. rs
    O autor realmente sabe trabalhar um bom personagem, não é mesmo? Ele soube brincar com as imperfeições de uma maneira bem genial, o torna todos os personagens muito humanos e naturais.
    Assim como você, adorei a obra!

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi..Gostei mesmo viu! Você falou tao bem que eu escolhi esse para ler.
      Os personagens é um ponto forte do livro, e claro que agora quero ler outras obras dele.

      Excluir
  11. Oi, não conhecia o livro e até que achei a premissa do livro bem interessante e me pareceu ter muitos sentimentos em conflito, a única coisa que me deixou com um pé atrás foi o cara estar dividido entre o amor antigo pela mãe e uma paixão pela filha.É isso mesmo, ou entendi errado?

    bjs

    ResponderExcluir
  12. Como se fosse poeta
    Gosta de contos, cronicas, poesias e/ou outros generos literarios? siga meu blog http://comoseeufossepoeta.blogspot.com.br postarei diversos textos meus lá!!

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Triângulos amorosos em literatura geralmente vão se copiando, sem inovação... mas não parece o caso.
    Em que época se passa a histório?

    www.novocaroneiro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luis...
      Como no início os personagens são adolescentes, vai sendo citado algum período da política daquele tempo (anos 80). Mas o período mais notável foi da época do Collor e o movimentado "Caras pintadas".

      Excluir
  14. Tenho uma paixão imensa por livros nacionais. Curti muito este, já tinha visto em outaras páginas e já se encontra na lista de desejados.
    Primeira vez no blog.

    devoradores2livros.blogspot.com.br

    Um xero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Moises..
      Obrigada pela visita. Muito bom este livro, e como obra nacional recomendo de olhos fechados.

      Excluir
  15. Oi LEticiaaa!
    Adoro conhecer livros bons nacionais!
    Amooo história que tem passagens de fatos históricos no cenário, acho que posso gostar bastante desta obra.
    Também adorei a capa, faz jus a história?
    Bjos
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que a capa combino com a história sim! Leia assim que puder.

      Excluir
  16. Olá!
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa bastante interessante. Após ler sua resenha, vi que a história parece ser daquelas que nos prendem, sem contar que o triângulo amoroso parece ser diferente dos que encontramos por aí, e bastante conflitante.
    Fiquei curiosa!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, realmente nos prende. É uma premissa bem diferente.

      Excluir
  17. Letícia é tão bom conhecer novos blogs, novos autores e novos livros, esse é um dos pontos altos dessa vida de blogueira. Adorei sua dica, além de poder ter uma noção do que esperar desse livro e de sua apresentação. Mas confesso que não gostei muito da capa do livro, sou daquelas pessoas que acreditam que uma capa caprichada é o primeiro passo para despertar a curiosidade do leitor na obra. Mas enfim valeu pela dica é parabéns pela leitura!!!!

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro conhecer novas obras, essa vale a pena.

      Excluir
  18. Olaaa
    Ja havia ouvido falar no livro e trás um enredo muito extenso e chamativo hahha tenho bastante curiosidade. Ótima resenha.

    Beijus
    Reality of Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é bem curtinho, dá para ler em um dia. Vale a pena a leitura. Espero que possa ler.

      Excluir
  19. Adorei a capa desse livro! Não conhecia o autor. Parece ser bom mesmo, fiquei curiosa com essa mescla entre ficção e história do Brasil. Quando vi o sobrenome do Biotônico, não pude deixar de lembrar do remédio que a minha mãe me dava pra engordar quando eu era pequena, hahaha. Preciso ler mais livros nacionais com urgência, acho que esse seria uma boa pedida.

    Thaís na Cidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thais...Tem muitos livros nacionais bons e que muitas pessoas ainda não conhecem, este em questão é muito bom.

      Excluir
  20. Não conhecia o livro, mas achei interessantíssimo sua premissa. Gosto de livros assim, apesar de não ser meu gênero favorito, uma boa história, contada do jeito certo, me cativa. Parabéns pela resenha!

    http://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Amei a resenha, eu curto muito triângulos amorosos (Apesar de odiar quando a mocinha escolhe o cara que não queria) haha. Enfim, parece ser um ótimo livro. Ainda não conhecia o autor nem a editora então foi um prazer conhecê-los haha.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse triangulo amoroso me cativou por ser bem diferente do que estamos acostumados a ler. Espero que possa ler o livro e goste como eu.

      Excluir
  22. Oi Leticia, tudo bem?
    Eu também vi a resenha desse livro no blog Desbravadores de livros e fiquei bem curiosa. Que bom que você também gostou.
    O livro parece ser bem interessante, e adoro um mistério, e o desses três parece ser ótimo. E saber que não se trata de triângulo clichê, me anima mais ainda
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro bem gostoso de ler, acho que você também iria gostar. Espero que possa ler.

      Excluir
  23. Também conheci o livro pela resenha do blog Desbravadores de Livros. O livro me chamou muito a atenção principalmente porque se passa momentos históricos e pela política envolvida nele e também pelos personagens, que parecem ser bem marcantes. Espero ter a oportunidade de lê-lo. Bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A dose de partes históricas deu um toque especial no livro, Espero que tenha a oportunidade de ler.

      Excluir
  24. Oie, tudo bem? É sempre bom abrir espaço para autores nacionais, reconhecer o talento brasileiro é uma maneira de incentivar quem está começando. Ainda não conhecia o livro mas gostei do enredo. Beijos, Érika

    *www.queroseralice.com.br*

    ResponderExcluir
  25. Oie
    Não conhecia o livro, mas sua resenha me deixou intrigada com o enredo. Muito intrigante o mistério de Juliana, quero saber mais ;)

    Beijinhos

    Paraíso das Ideias

    ResponderExcluir
  26. Esse é um daquele tipo de livro que você tem que ler cercado de post-it porque sabe que terá inúmeras páginas que você quer marcar, tipo essa: "Pra ficar louco, basta ser são. Na vida, em dado momento ou circunstância, quem pode garantir total sanidade?"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os quotes são realmente muito bons Lucas.

      Excluir
  27. Confesso que quando eu vi a capa não fiquei nem um pouco interessada para ler o livro, mas lendo a resenha já mudei de ideia, a leitura deve ser bem interessante.
    Beijos Letícia!
    islary34.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Oi,
    Gostei de saber que o livro se passa em um contexto político, isso é um ponto positivo para mim :)
    E apesar de você dizer que esse romance não é clichê, fiquei com um pé atrás em relação ao triângulo amoroso...
    Beijo.

    Está rolando sorteio lá no blog, vem participar -> Choque Literário

    ResponderExcluir
  29. Olá Letícia!
    Adoro quando os livros estão inseridos em momentos históricos pois assim você consegue ver comportamentos das pessoas da época ao invés de saber somente do evento em si.
    Achei bem interessante a sua resenha e gostei mais ainda de saber que o autor deixa transparecer os defeitos e sentimentos contraditórios dos personagens. Assim fica bem mais real!
    Já está na lista ;)

    ResponderExcluir
  30. Oi, Leticia!
    Além da capa ser bem estranha, a sinopse não me atraiu. Então mesmo você falando bem não é uma história que me interesse.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  31. Oie, tudo bom?
    A sua resenha me deixou ainda mais curiosa com esse livro e lembro que já tinha lido resenha dele. Fiquei com o pé atrás com o triângulo, mas acredito que isso não me incomodaria durante a leitura da obra.
    Ah, achei a capa um pouco fora do contexto.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Oie, tudo bem?
    Não conhecia o autor e muito menos sua obra. Fiquei super interessada devido o enredo ser cheio de emoções... Quem nunca passou por um triângulo amoroso na vida???
    Beijos
    Ariana Silva
    http://ariabooks.blogspot.com.br/2015/08/li-ate-pagina-100-e.html

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!