F

09 dezembro 2014

Resenha - Dia de folga

Título: Dia de folga (Um conto de Natal)
Autor: John Boyne
Editora: Companhia das letras
Páginas: 10
Ano: 2013

Sinopse: Neste conto breve e melancólico, John Boyne (autor do best-seller O menino do pijama listrado) acompanha o dia de folga de um jovem soldado inglês e seus companheiros, que passam a véspera de Natal em uma das trincheiras da Primeira Guerra Mundial. Enquanto relembra os natais da infância e o conforto do seu lar, ele vê e ouve as bombas alemãs caindo a sua volta. Em meio a um dos piores conflitos do século XX, o jovem irá vivenciar um espírito natalino muito diferente do que estava acostumado.







Esse é o primeiro contato que tenho com a narrativa do autor, que já é bem elogiado por outras obras como O menino do Pijama Listrado, Fique onde está e então corra, e O garoto do convés, entre outros. Sempre quis ler essas obras do autor, mas me deparei com este conto e resolvi conhecer logo a escrita dele.

Primeira Guerra Mundial, e Véspera de Natal, alguns soldados recebem um dia de folga. Acostumados com toda a agitação da guerra, eles só querem aproveitar o dia da melhor maneira possível.

Hawke, é um dos soldados, e reflete sobre sua atual condição ao receber uma meia nova de presente de sua mãe. Ao trocar por sua meia velha, que continha sujeira e sangue, e notar os vestígios da guerra em sua pele cheia de feridas abertas e bolhas, ele imagina como estaria sua família naquele momento.


"Ele estava impaciente agora. Esse era o problema dos dias de folga. Eles eram tão raros, e você esperava tanto por eles, mas quando eles chegavam, seu corpo estava tão acostumado a se mover constantemente, que era quase impossível relaxar."


Ele recorda de como eram seus natais, as comidas, a decoração feita pela mãe. Imagina, se estaria sua família pensando nele, diante dos preparativos natalinos. Será que ele e seus companheiros, veriam de novo todos seus familiares? De repente se vê cansado demais de tudo aquilo, de toda aquela guerra.

Se tratando de um conto, qualquer coisa dita a mais é spoiler, mas é uma leitura que vale a pena ler, ainda mais nessa época. Gostei muito, pois não foi aquele final surpresa, em que você esperava muito mais da história. O desfecho foi bem construído e faz o leitor refletir sobre muitas coisas, inclusive a dar valor aos pequenos momentos da vida.

De fato é uma narrativa melancólica, onde existe uma guerra tão assustadora, e um raro dia de folga para os soldados. É Véspera de Natal, mas o campo de batalha está ali, a espreita. Vale a pena a leitura! 


"Sons a distancia, através dos campos, além das escadas e dos arames farpado, o gramado revolvido, a lama ensanguentada. Botas dançando nos estrados de madeira. O tiroteio começando, as armas disparando. O barulho dos homens quando caíam em suas linhas. Era Véspera de Natal e não havia folga para os ímpios."


Baixar: Amazon



Siga o blog nas redes sociais:
 Facebook  |  Skoob  |  Twitter  | Youtube | Instagram


7 comentários:

  1. Que legal! Gostaria de ler esse livro
    http://toobege.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sabe que nunca li nada do autor também? :/
    Tenho muita vontade de começar com O menino do pijama listrado, mesmo já tendo assistido o filme! ♥
    Não sabia desse conto, e como adoro!, quero ler também!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Eu também já ouvi falar muito bem do autor e tenho vontade de ler alguma obra dele, mas também tenho aquele receio, já que as obras são consideradas um tanto tristes.
    Quem sabe não leio o conto em breve?
    Super beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Letícia.
    Eu li esse conto, e como toda narrativa de John Boyne, ele me surpreendeu pela simplicidade e pela reflexão que ele nos leva a fazer.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  5. Lê, eu li esse conto do autor duas vezes e é perfeito. Meu primeiro contato com ele foi em Tormento. Nossa, mega perfeito, uma narrativa emocionante do início ao fim. Outro livro perfeito dele é Fique onde está e então corra. Ele é um sucesso e tanto, as obras dele geralmente primam por contar coisas envolvendo a guerra, mas é bem emocionante e eu adoro demais

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 6 livros para escolher, kit de marcadores e 3 ganhadores.

    ResponderExcluir
  6. Amiga eu acho que já li a resenha desse livro em algum lugar.
    Gostei bastante do que o livro propõe, mas eu não sei se vai fazer muito meu gênero, embora eu tenha bastante curiosidade de saber sobre a história contada.
    Adorei tudo que vc colocou sobre o livro, porque deu para ter uma ideia.
    Por isso que fico insegura de ler, porque eu não sei se irei gostar, mas mesmo assim darei uma chance assim que tiver oportunidade com toda certeza. Espero gostar pelo menos.
    Como sempre amiga vc tá de parabéns viu. Te adoro muito e te desejo o maior sucesso do planeta !!! hehehehehe...Se cuida e fica com Deus

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oiee

    Eu amo esse autor e com certeza é um dos meus preferidos os livros dele sempre falam de guerra e de mensagens de paz e esperança.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!