F

10 julho 2013

Resenha: A hospedeira (The Host)

Oi devoradores...

Acabei de ler A hospedeira, que minha amiga Keka me emprestou!!
Amei demais ler, uma história incrível, vamos conhecer melhor...


"Eu sabia que começaria pelo fim, e que o fim pareceria a morte a este olhos. Eu tinha sido avisada...
A lembrança veio. E, conforme eu tinha sido avisada, não era algo para o que fosse possível estar preparada, jamais." (p. 13)

 
Onde comprar? Submarino   Saraiva 

 
Título original: The Host
Autora: Stephenie Meyer
Editora: Intríseca
Páginas: 557
Genêro: Ficção Científica

Sinopse: Nosso planeta foi dominado por um inimigo que não pode ser detectado. Os humanos se tornaram hospedeiros dos invasores: suas mentes são extraídas, enquanto seus corpos permanecem intactos e prosseguem suas vidas aparentemente sem alteração. A maior parte da humanidade sucumbiu a tal processo.
Quando Melanie, um dos humanos "selvagens" que ainda restam, é capturada, ela tem certeza de que será seu fim. Peregrina, a "alma" invasora designada para o corpo de Melanie, foi alertada sobre os desafios de viver dentro de um ser humano: as emoções irresistíveis, o excesso de sensações, a persistência das lembranças e das memórias vividas. Mas há uma dificuldade que Peregrina não esperava: a antiga ocupante de seu corpo se recusa a desistir da posse de sua mente.
Quando os acontecimentos fazem de Melanie e Peregrina improváveis aliadas, elas partem em uma busca incerta e perigosa do homem que ambas amam.
 

"Se parasse aqui e desse ouvidos às sedutoras sugestões de minha hospedeira, eu seria uma traidora. Isso era impossível eu era uma alma.
No entanto, eu sabia o que queria, mais forte e intensamente do que qualquer outra coisa...A imagem do rosto de Jared dançou atrás de minhas pálpebras quando pisquei  por causa do sol - não as memórias de Melanie dessa vez, mas a minha memória das dela....Eu não podia me separar do que este corpo queria." (p. 85)

 


Gostei muito de ler, o livro traz emoções quase que palpáveis, transmitem o significado do que é ser humano.
Melanie, uma humana que ainda sobrevive, é capturada no início do livro. Peregrina, a alma inserida em seu corpo, não consegue acreditar que não consegue dominar completamente a mente de sua hospedeira. Melanie resiste  e não se entrega totalmente, apesar de não comandar os movimentos de seu corpo. Ela vivia com seu irmão Jamie, ambos sobreviventes da colonização das almas. Eles conhecem Jared, outro humano sobrevivente, e se unem a ele. 
Peregrina deve passar as informações que encontra na mente de sua hospedeira, para sua Buscadora, para que possam encontrar novos humanos resistentes. Porém, Melanie trava uma parte de sua mente, para proteger Jamie e Jared, a quem ama. E o surpreendente é que as emoções e lembranças que Melanie passa,  quando passa a confiar na alienígena, são tão intensas que vão tocando profundamente Peregrina, que passa a nutrir um amor por aquele seu irmão que nem sequer conhece e por Jared, o homem a quem, agora, amava.


" O pensamento dela lamentou debilmente em minha cabeça: Você nunca sabe quanto tempo vai ter.
As lágrimas que eu estava chorando nos pertenciam a ambas." (p.76)


Melanie passa a confiar em Peregrina, um segredo, para que possam tentar encontrar os dois. Jeb, seu tio deixa pistas para que encontre, o possível esconderijo, dos humanos sobreviventes. Um  refúgio , entre as montanhas do deserto. Peregrina abandona sua vida tranquila de alma, para satisfazer o desejo que ambas nutrem e com esperança, encontrar Jamie e Jared vivos!
É ai que a história começa de verdade! Peregrina se vê diante de humanos furiosos que obviamente a odeiam. E Melanie, aprisionada em seu próprio corpo, não pode revelar as pessoas que ama que ainda vive dentro da mente de Peregrina.
O livro é longo, tem 557 páginas, e tem muita história pela frente. Nos momentos finais eu não consegui parar de ler, até saciar minha curiosidade. A história é muito intensa, nos faz refletir sobre valores humanos, e sobre o amor que pode existir de várias formas. Envolve romance e amor fraterno!
Assim como Mel, eu aprendi a gostar de Peg (como são chamadas posteriormente). Uma "alma" jamais comete violência e são sempre gentis o tempo todo, o oposto das nossas reações humanas. O que elas não imaginaram é o quanto as emoções humanas pudessem domina-las! O quanto era assustador e ao mesmo tempo uma emoção incrível fazer parte daquele mundo! Eu me envolvi muito na história, torcia pelas duas.



 

Vou ver o filme, quando puder. Queria mesmo era ler o livro primeiro. Ouvi falar que não era muito bom, não como o livro, mas vou matar minha curiosidade mesmo assim!

Stephenie tem uma maneira de escrever que normalmente gosto de encontrar nos livros, achei que fora uma leitura bem leve. Só achei que faltou algo a mais no final, que o destino de Melanie poderia ter sido mais citado e detalhado na narrativa. Mesmo assim amei demais, é bem o tipo de histórias que gosto. Recomendo muito, para quem ainda não leu. E também já estava na hora de devolver o livro para a Keka..hehe!


"...fez com  que eu me sentisse alegre, ansiosa, tímida e desesperadamente impaciente ao mesmo tempo - fez com que eu me sentisse humana." (p. 553)

 

Beijos galera e até a próxima postagem!

 


 


22 comentários:

  1. Eu amo esse livro, um de meus preferidos, amo demais,
    Adoro tudo nesse livro, cada detalhe.
    O filme é ok, mas nada demais. É bem parecido com o livro, mas não colocaram toda a emoção que encontramos nas páginas...

    Beijos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você também gosta Camila.
      Imaginei que o filme não teria a mesma emoção do livro!

      Excluir
  2. Já li esse livro e amei
    Achei esse universo que ela criou muito fantástico

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito mesmo. Ela é muito boa com suas histórias!

      Excluir
  3. Nossa eu já li A Hospedeira e também assisti o filme amei ambos e chorei em ambos kkkkk muito bom, concordo com muita coisa que você disse, beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, então deve ser muito bom mesmo!
      Não vejo a hora de assistir.

      Excluir
  4. Amiga, sempre quis ler esse livro, e ainda não tive oportunidade.
    Gostei da resenha.
    Abraços.
    palavrapequenas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Sefora, espero que apareça uma oportunidade para você ler.

      Excluir
  5. Oi Letícia tem selinho pra você no meu blog!!

    http://entreresenhas.blogspot.com.br/p/blog-page_17.html

    Bj
    RÊ Souza
    http://entreresenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Lê, deixei um selinho pra ti no meu blog. Passa lá.

    bjos.
    http://arianaviajante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ariana, que legal, vou lá ver.
      Muito obrigada.

      Excluir
  7. Amei esse livro. Não esperava gostar, talvez por isso tenha adorado. Li a última parte no metro e chorei muito. Olha só o mico, rs. O filme não é tão bom, mas acho que vale a pena ver.
    Bjs, Tati B
    www.fuxicariafeminina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que vale a pena ver o filme.

      Excluir
  8. Lê. *-*
    Adorei a resenha...
    Eu vi muito sobre o filme e achei legal.
    Li também umas criticas do pessoa dizendo que foi o livro mais chato que já leu, mas sei lá, o livro mora na minha estante do skoob. Pretendo tê-lo!
    Beijo

    http://elaeseuslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica, que bom que gostou da resenha..fico feliz.
      Este livro é bom demais.

      Excluir
  9. Esse livro deve ser bom. Parabéns pelo seu blog.

    ResponderExcluir
  10. eu assisti o filme e realmente adorei muito!
    mas dizem que o livro é meio parado, então com certeza, vai ser um que eu vou demorar váaaaarios dias lendo, e meio que não to com tempo pra isso, ultimamente haha
    beijos
    amei a resenha!

    http://livrodecapadura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vania, pelo contrário ele não é parado não.
      Voce é quem não consegue parar de lê-lo..rs
      Não escuta muito o que falam não..

      Excluir
  11. Vi tantas resenhas negativas desse livro,que me desanimei para ler.E o tamanho não ajuda muita coisa,haha.
    Mesmo assim,adorei a resenha.
    Beijos,
    http://loucamenteleitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes as opiniões são diferentes.
      Voce pode ler e gostar.

      Excluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!